Quem somos

Fundado em 2007 no antigo Instituto Universitário de Pesquisa do Rio de Janeiro (IUPERJ), o Sociofilo hoje integra o Instituto de Estudos Sociais e Políticos da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP-UERJ). Somos um grupo de pesquisa que desenvolve, a partir de uma perspectiva humanista, reflexões sistemáticas sobre os fundamentos filosóficos da teoria social. A investigação dos pressupostos metateóricos das ciências sociais, entretanto, não constitui um fim em si mesmo, mas serve como preâmbulo necessário à construção de uma teoria social geral, assim como de qualquer pesquisa empírica nas ciências humanas.

O núcleo atua como um “colaboratório” que oferece apoio e estímulo intelectuais, funcionando como um fórum para orientandos e pesquisadores envolvidos na elaboração e execução de projetos ligados aos temas de interesse do Sociofilo (ver linhas de pesquisa). Através deste fórum intelectual, almeja-se contribuir para a formação de uma rede virtual descentralizada e aberta na qual circulam informações, reflexões, afetos, contatos e artigos. Ocasionalmente, o núcleo organiza cursos de extensão, debates e convida pesquisadores estrangeiros para dar palestras, oficinas e entrevistas no IESP ou em outros grêmios. Bernard Lahire, Margaret Archer, Seyla Benhabib, Raewyn Connell, Jeffrey Alexander, Nathalie Heinich, Francis Chateauraynaud, Chantal Mouffe, Ernesto Laclau e Alain Caillé, entre outros, já foram convidados e participaram de diferentes atividades acadêmicas do núcleo.

Antes de tudo, nascemos do ímpeto por juntar nossas forças intelectuais com nossas fraquezas existenciais. Para nós, a teoria nunca foi um fim em si mesma. Pelo contrário, sempre tomamos a teoria como tentativa de transformar a sociologia numa forma de vida – solidária, cooperativa, convivial. É na interdependência com o mundo da vida que qualquer teoria se faz.